Os dois comediantes iniciaram sua carreira trabalhando separadamente, e a primeira vez que atuaram juntos, casualmente, foi no filme The Lucky Dog. Após um período em que trabalhavam separados em vários curta-metragens do Hal Roach Studios durante os anos 20, começaram a atuar juntos em 1926.

Em 1926, Hardy fora chamado para o filme Get’Em Young, mas foi hospitalizado após uma queimadura, e Laurel foi recrutado para o filme[1]. Posteriormente, Laurel e Hardy apareceram num mesmo filme, 45 Minutes from Hollywood, interagindo em algumas cenas.

Em 1927, Laurel e Hardy apareceram juntos em Slipping WivesDuck Soup e With Love and Hisses. O diretor supervisor do Roach Studios, Leo McCarey, observou em uma apresentação a reação da audiência, e começou a colocá-los juntos, criando assim a mais famosa dupla de humoristas da história do cinema.

Alguns de seus mais populares filmes foram Sons of the Desert (1933), Way Out West (1937), e Block-Heads (1938) e os curtas Big Business (1929), Liberty (1929) e The Music Box (“Caixa de Música”/ “Entregas a Domicílio”), vencedor do Óscar de curta-metragem (comédia), em 1932. Outros filmes importantes foram Unaccustomed As We Are, de 1929, que marcou sua transição para o cinema sonoro; Brats, de 1930, com Stan e Ollie interpretando eles mesmos e seus próprios filhos; The Rogue Song, de 1930, musical em Technicolor, o primeiro que fizeram em cores; Pardon Us, de 1931, o primeiro longa-metragem.

Laurel e Hardy também atuaram para o USO, suporte das Forças Aliadas durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1940, a dupla deixou o Roach Studio, aparecendo em oito comédias “B” da 20th Century Fox e Metro-Goldwyn-Mayer, entre 1941 e 1944. A partir de 1941, os filmes da dupla foram perdendo a qualidade.

De 1945 a 1950, ao invés do cinema, a dupla se concentrou mais nas apresentações teatrais. Em 1947, planejaram ficar durante 6 semanas na Grã-Bretanha; o biógrafo John McCabe relata que eles continuaram no Reino Unido e França até 1954.

Fizeram seu último filme, Atoll K, na França entre 1950 e 1951, e retiraram-se do cinema. Ao todo, fizeram cerca de 106 filmes juntos, sendo 40 curta-metragens sonoros, 32 curta-metragens no cinema-mudo, 23 longa-metragens, e 11 filmes como convidados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *